featured Licor de Cacau

Licor de Cacau - 2ª Temporada - #6 Relaxa e...

setembro 19, 2018Cacau dos Santos

Foto: Sweet Carol.

1) Sobre fundo preto surgem, em letras brancas, sucessivamente, as seguintes frases:

AVISO: ...AAAAAH, vocês já sabem que aqui só tem zoeira!

(2) As frases desaparecem em fade e surge a primeira cena


MÚSICA DE CENA:


17 de março de 2018
Rua Cardoso Júniro, 20 - Laranjeiras
9h18 am

- VEM, VEM, VEM! Desfaz tudo, desfaz tudo! Cuidado! Devagar e desliza! DEVAGAR! E! DESLIZA! Agora só vem! VEM!
- Johnny! - grito em tom de brincadeira.
- Quê?! Tô ajudando, oras!

Esse é, sem sombra de dúvidas, o dia mais feliz da minha vida nesse ano de 2018, pelo menos até agora! Estou me mudando para a casa fofa do número 20 da Rua Cardoso Júnior, com as minhas best Fabricia e Mallu (♥), e meu boy mágia Pedro e meu parça-mais-crazy-de-todos-Johnny estão nos ajudando com tudo.

O dia tá lindo, o sol quente na medida (não tá aquele calor escaldante que derrete até os pensamentos, sabem), e o tiozinho do frete topou fazer um preço generoso pra gente. Obrigada Senhor!


Só que Johnny cismou em "orientar" os 2 rapazes que estão ajudando o tiozinho do frete e na hora de tirar os móveis pesados de dentro do caminho, ele começa a dizer aos caras o que devem fazer e como fazer! ÇOCORRU:
- Mais pra esquerda, mais pra esquerda, mais 2 centímetros para a esquerda... aí, isso. Com agilidade.

É claro que isso não vai prestar e tô vendo a hora em que esses dois caras vão descer a mão na cara do Johnny, com agilidade mas vão!

Decido "resgatar" meu amigo antes que uma tragédia anunciada aconteça:
- Johnny, bebê, me ajuda aqui com essas sacolas, por favor.
- Claro Cacau!... CARALHOW! O quê tem aqui? Chumbo? - reclama já sentindo uma dor nas costas.
- Ha Ha Ha! Quase, são livros! A maioria de design, e olha que antes de me mudar eu doei vários e fiquei só com o necessário - explico enquanto pego outra sacola.
- Doou vários?! Deu uns 5 que eu vi e olhe lá! - entrega Pedro passando por nós enquanto carrega meu pub com design de urso panda.
- PEDRO! - exclamo com um ar de surpresa.
- Mas é verdade, Camila! Você disse que ia dar muitas das suas coisas antes de se mudar e a sensação que eu tenho é que você comprou foi mais bugigangas, como diria sua tia - fala (meio que) reclamando.
- Olha de fato eu comprei algumas coisas para a casa nova, mas tudo o que veio conosco é necessário!

Ou quase.

- Onde eu coloco esse abajur de sorvete? - pergunta um dos carinhas do frete.
- Pode deixar no canto da sala que, mais tarde, o levarei para o meu quarto - respondo meio sem-graça.
- E essa mesa que imita a tampa da Coca-Cola? - pergunta o outro carinha do frete.
- No meio da sala mesmo, HA HA! - rio de nervoso.
- Cacau, caiu de uma das caixas esse bichinho de pelúcia. É seu? - pergunta Mallu intrigada.
- É meu Porta Pijama com carinha de Ilhama, me dá que eu vou pendurar na porta do quarto, HA HA! - e fico mais sem-graça ainda.
- E esse robôzinho aqui, dona? - pergunta o tiozinho do frete.
- É um mini aspirador de pó com design do R2D2, tem um armário no final do corredor, pode colocá-lo lá também HA HA HA! - respondo já com a minha dignidade no chão.

É aí que Pedro aproveita a oportunidade e me questiona:
- "O que veio conosco é necessário", então um mini aspirador de pó com design do R2D2 é necessário?!
- Claro que é! Você gosta de poeira? Porque eu não!
- E por que não comprou um aspirador de pó comum?
- Por que se posso ter um do R2D2?!
- Só você Camila, só você...

OLHO PARA A CÂMERA E FALO:
- Aí gente, até parece que minhas coisas são tão atípicas assim...

- Cacau, e essa lata de lixo no formato da cabeça do Trump, vai pra onde? Cozinha ou banheiro? - pergunta Fabricia.

OLHO DE NOVO PARA A CÂMERA E FALO:
- Tá, minhas coisas SÃO bem atípicas... mas vem me dizer que você não ia querer ter uma lata de lixo no formato da cabeça do Trump?!



LICOR DE CACAU
SEGUNDA TEMPORADA

MÚSICA DE ABERTURA:

EPISÓDIO 6 – Relaxa e...
Escrito por: Cacau dos Santos

11h55 am
E antes do meio-dia a gente conseguiu desempacotar todas as coisas dentro da casa nova. Agora vem a segunda parte da mudança: colocar tudo em ordem. E, claro, eu sou a que mais tem coisas para organizar! AFF...

- Nunca vi tantos miúdos, SEM OR! - questiona Pedro olhando para meus toy arts.
- São relíquias, Pedro! - defendo pegando meus Funkos Pop do Stranger Things e os colocando na minha estante.
- Relíquias esses brinquedos feios? Olha isso! OLHA ISSO! Como pode chamar essa coisa estranha de requília? - questiona enquanto segura uma pelúcia do Coringa versão Heath Ledger.
- Não fala assim do Coringa, foi graças a ele que Heath Ledger ganhou um Oscar póstumo. Fato raro na história da acadêmia - defendo, tomando meu boneco de suas mãos.
- Tá, e esse letreiro? Vai anunciar o que aqui? - questiona de novo.
- Serve pra escrever frases, Pê.
- Tá, frases pra quê?
- Pra divertir, cara!
- Divertir?!
- É! Aí Pedro, que saco! Tá parecendo a minha tia reclamando das minhas coisas! - digo já perdendo a paciência e meio que levantando a voz.
- Vai ver porque eu esteja entendendo o que a sua tia quis dizer quando disse que você é o que os americanos chamam de shopaholic e que tem o hábito de comprar um monte de coisas desnecessárias! - me responde com certa rispidez.
- Peraê... espera um pouco aí... você tá concordando com a minha tia agora? - pergunto puta.
- Nesse ponto sim. Tô sim! Camila imagina se, ao invés de se mudar com as meninas, você tivesse se mudado comigo, como seria um caos você levar essa caralhada de coisas para o meu apartamento! Mal cabem eu e meu primo, pior seria eu e você e a Cake e meu primo e essas tranqueiras toda! - fala enquanto aponta para as minhas coisas espalhadas pelo chão.
- Eu não posso imaginar isso, Pedro, porque em momento algum você se ofereceu para me abrigar no seu apartamento - revido cruzando os braços e olhando séria para ele.

Pronto, o clima azedou.

Por sorte, antes que a discussão começasse a ferver, Mallu aparece na porta de meu novo quarto e pergunta se queremos pizza?
- Vou pedir uma metade pepperoni e metada portuguesa. E vocês, vão querer de que para o almoço?
- Não vou querer de nada. Já tô de saída - responde Pedro, me dando as costas.
- Mas já? Como assim, Pê? Pensei que fosse ficar até mais tarde.
- Não vai dar, tenho que resolver umas coisas lá em casa. Depois eu volto, amanhã talvez...

E sem se despedir de mim ou das meninas, Pedro vai embora.

Mallu percebe que algo está errado e vem falar comigo:
- Tá tudo bem, Cacau?
- Tá, tá sim. Na medida do possível... bom, vou querer pizza de champignon, por favor.
- Beleza, saindo uma pizza de champignon. Agora vou ver com o Johnny qual sabor ele quer?
- Sim, vai lá. Eu vou continuar aqui colocando as coisas no seu lugar. Ou tentando! - brinco.

E engulo em seco a raiva (e a vontade de chorar) e continuo a arrumar as coisas no meu quarto.

... é dose, viu, concordar com a minha! Francamente! Até parece... ridículo!

12h38 pm
As pizzas chegam e paramos um pouco o processo de arrumação para comer e beber e brindar a essa nova fase de nossas vidas. E assim vamos curtindo aquela tarde maravilhosa, no meio dos nossos móveis foras do lugar e de nossa bagunça confortável. Aquele clima de paz e harmonia entre eu + Fabricia + Mallu estava mesmo ótimo... pena que durou só 1 mês.

MÚSICA DE CENA:

24 de abril de 2018

- Amor cadê a minha garrafa térmica do Caldeirão do Huck?
- Tá falando daquela coisa horrenda? Tá no lixo!
- Como é que é?
- Eu joguei aquela tranquera fora.
- Como é que é?
- Tá no lixo, Mallu! Não entendeu ainda? Quer que eu desenhe?
- COMO É QUE É?
- Aí porra, ainda não entendeu?!
- Com ordem de quem você joga uma coisa MINHA fora?
- Com ordem de ninguém mas joguei mesmo assim!
- Aaah que lindo! Então eu acho que você não vai se importar se eu jogar alguma coisa sua fora com ordem de ninguém! O quê acha?

- Posso saber aonde a bonita está indo?
- Eu vou encontrar com o pessoal da faculdade para discutimos um trabalho, por quê?
- Porque você não me falou absolutamente nada a respeito!
- Eu não te devo satisfação, Fabricia.
- Mas me deve informação! Isso é essencial!

- PORRA MALLU, MEU XAMPU ANTI-RESÍDUOS! VOCÊ O USOU DE NOVO!
- Não usei, não!
- USOU SIM! A CACAU NÃO USA ENTÃO SÓ PODE TER SIDO VOCÊ! OU VAI ME DIZER QUE FOI A CAKE?
- ... Há boatos!

(É UKÊ?! - Pensamentos de Cake)

- Eu não tô acreditando! Eu! Não! Tô! Acreditando! Acabou o requeijão! Mas quem... Fabricia! Já falei não sei quantas vezes que quando acabar essa porra que é pra você repor! Agora o que é que eu vou comer com o meu pão de forma?!
- ... tem outro pote de requeijão na gaveta da geladeira.
- ...aaah é... IHI! ^^

- E aí meninas, vamos ver o que no Netflix?
- Eu quero terminar a última temporada de Grey´s Anatomy.
- Aí não amor, série chata pra caralho!
- Chata é você, sua chata!
- Eu não sou chata, só não acho que devemos ser obrigadas a ver tudo o que você quer.
- Então por que perguntou o que queriamos assistir?
- Tava me referindo a um filme e não a uma série!
- Aaah então coloca em... sei lá... algo romântico!
- Aaah porra, não! Ontem você já me nos fez ver aquela droga de 'A Barraca do Beijo' e agora quer romance estupido e americanizado de novo!
- Aí que saco, nada do que eu gosto você gosta! Escolhe aí então e para de perguntar!

- ISSO! AÍ QUE DELÍCIA! VAI! CHUPA! CHUPA! AÍ QUE LÍNGUA GOSTOSA, CARALHO! EU VOU GOZAR NESSA BOCA! AAAAH!

.
.
.
.

Eu.
Não.
Aguento.
Mais.
ISSO!

AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH!


- TRANSEM BAIXO PELO MENOS, CARALHO! - grito revolts.

26 de abril de 2018
Agência GRID, Barra da Tijuca
9h07 am

- ...bom dia - digo a Alana enquanto me sento em minha cadeira.
- Cacau! Cê tá bem? Tá com uma cara... - pergunta ela.
- Eu tô bem, sim. Tô bem na merda!
- O quê que houve, mulher?
- Não consegui pregar os olhos a noite inteira e quando, finalmente, tive um pouco de paz e silêncio, já era hora de acordar.
- E o que foi que atrapalhou a sua noite de sono?
- Os orgasmos da Mallu.
- ... Como é que é?! - ela pergunta assustada.
- Foi isso mesmo o que você ouvi, Alana, os orgasmos da Mallu não me deixaram dormir a noite toda - digo enfiando as mãos na cara.
- É... então você e sua colega de apartamento estão... ?
- NÃO! NADA A VER! - explico na hora quase que aos berros - Ela estava justamente transando com a Fabricia e as duas, quando decidem curtir o "Spring Love", é um escândalo! Literalmente falando! Escuto coisas que eu realmente não gostaria de escutar e nem que fossem compartilhadas comigo! Mas o quarto delas é ao lado do meu e não dá pra não deixar de ouví-las. É uma droga isso, cara!
- E por que não fala com elas?
- Não dá, quer dizer, é complicado. Não quero constrangê-las.
- Bom, parece que elas não se importam em te constranger.
- ...Aí você tá certa. Porra, na moral, eu nunca imaginei que seria assim tão complicado morar com elas. Quer dizer, eu as amos e sou grata por me chamarem para embarcar nessa aventura mas dia sim e dia também elas brigam. Por tudo! A casa vira e mexe tá um caos! É louça pra lavar, chão pra varrer, lixo pra pôr pra fora... as duas são meio dondoquinhas, sabe? E toda hora eu tenho de ficar chamando a atenção porque ambas têm semancol zero com relação a essas responsabilidades! Fora que perdi totalmente a minha privacidade. Aí que saudades que eu estou de assistir a qualquer coisa sozinha no Netflix, viu!

E dou um suspiro longo e profundo. Aaaah Netflix, como era bom quando éramos só eu + você + Cake.

- Sério Alana, eu não achei que fosse chegar nos meus 34 anos sendo babá de marmanja. Fora que final de semana é esse Spring Love delas duas. Até a Cake escuta tudo e fica extremamente agitada com essa adrenalina vinda do quarto ao lado. Tá complicado, viu.
- Quer uma dica que talvez super te ajude a relaxar?
- Quero. Manda!
- ASMR.
- ...Hein?!



- ASMR - diz Alana novamente.
- Que isso, dorgas?
- Não, pelo contrário! São massagens cerebrais.
- Ah tá!... Ainda não sei o que é?
- Ha Ha, ASMR é uma sensação prazerosa obtida através de vídeos que associam barulhos de objetos, sons da boca, sopros e várias outras paradas muito doidas mas muito gostosinhas. Sério! Sempre que posso eu escuto e fico super concentrada e relaxada. Minha mãe tá usando pra dormir e não quer saber de outra coisa!
- Peraê... espera um pouco aí... tá querendo me dizer que eu abro um vídeo e a pessoa vai ficar susurrando umas coisas estranhas no meu ouvido e isso vai me fazer relaxar?... TÊ PARECE! - e debocho legal da dica dada por Alana.
- Faz um teste, garota! Vai que você gosta? Não custa nada.
- No Thanks.

OLHO PARA A CÂMERA E FALO:
-  ATÁ que vou ficar ouvindo som de gente comendo e susurrando. Tenho mais o que fazer, né!


9h12 pm
Meu quarto na Casa Fofa da Rua Cardoso Júnior


...tá bem... tudo bem... tô com cosquinha na cabeça... uma cosquinha boa... essa voz susurrando até que tá me fazendo relaxar... he... hehe... he...

Dormi.




Tá. Eu não vou fazer e falsiane e negar que estou completamente viciada em ASMR... porque eu estou MESMO completamente viciada em ASMR! Tanto que estou seguindo uns 7 canais diferentes, tem até uma brazuca chamada Sweet Carol que é um amorzinho e escuto sempre depois que volto do horário de almoço...

Escuto no metrô, no caminho para o trabalho...


Escuto a tarde, quando a demanda dos jobs ficam intensas pois é nessa hora que vem as respostas dos clientes e eles querem tudo pra ontem e a cobrança vem frenética...


Escuto no caminho de volta para casa...


E, claro, escuto quando já estou em casa e Mallu e Fabricia começam mais uma briga por algo estúpido:
- Que droga, Mallu, eu falei pra você que não uso creme dental e sim gel dental! Custava ter comprado o tubo certo?
- Mas esse creme dental é clareador, melhor que o gel dental que você usa.
- Eu não acho! Prefiro mil vezes gel dental!
- Então da próxima vez compre você a droga do gel dental pra escovar seus belos dentes.
- Compro, com o seu dinheiro! Que tal?

Eu:


Elas tão ali na maior treta por causa de uma pasta de dente e eu super relax...


Engraçado é que vejo seus lábios se mexendo e o som que eu escuto é de sussuros! HAHAHA, chega a ser engraçado de tão bizarro. Mas antes que eu possa rir, já estou cochilando no sofá.


Que delícia, né gente!


00:34 am
Acordo assustada e me dou conta de que dormi no sofá, com os fones no ouvindo e os vídeos de ASMR no automático.

Limpo a baba no canto da boca, fecho o notebook, me levanto e sigo, meio desengonçada, até meu quarto. Mas no meio do caminho escuto um choro vindo da área. Deveria fingir que não vi e ouvi nada pois sei que é uma das meninas e não quero ter de servir de terapeuta de casal a essa hora da noite. Mas meu coração de manteiga me impede de ignorar o fato e vou até lá ver quem é que está chorando?

É Fabricia que, ao me ver, enxuga suas lágrimas.

- Hey, o quê que houve? - pergunto enquanto lhe lanço um sorrido meigo e maternal.
- Aaah Cacau, tá tudo uma droga! Eu e a Mallu não estámos dando certo morando juntas. Eu jurava que as coisas iam ser diferentes mas a realidade tem sido bem pesada, viu. Brigamos o tempo todo, a toda hora e por coisas tão sem nexo. Você viu o que aconteceu hoje? Viu a discussão que tivemos por causa de uma pasta de dente. Uma droga de uma pasta de dente! Eu não tô acreditando nisso! Que saco! Nunca imaginei que fosse ter treta com a minha mulher por causa de uma pasta de dente! Que inferno! - e após o desabafo, Fabricia cai no choro.

Não resisto e lhe dou um forte abraço. E enquanto a abraço, lhe falo ao pé do ouvido:
- Hey, relaxa. É assim mesmo, início de casamento! E outra, vocês saíram da asa dos pais cedo demais, cruas com relação a como é a vida de adulta e agora estão aprendendo tudo juntas, na marra. Então é claro que vai ter treta. Mas se desesperar agora, a essa altura do campeonato, não vai levar a nada.

E isso é verdade.

- Tem razão - diz enquanto enxuga as lágrimas novamente - mas eu gostaria tanto que a gente parasse de brigar por bobagens.
- Então parem de brigar por bobagens.
- Como?!
- Parando! Olha, por que não dá o primeiro passo? Quando ela começar a reclamar, a levantar a voz, respira fundo e apenas diga "Desculpa amor, não vou mais fazer isso", por mais que queira quebrar a TV na cabeça dela apenas diga "Desculpa". Uma desculpa bem aplicada equivale a um FODA-SE bem dado.

Isso também é verdade.

- Ou seja, tenho de parar de dar corda a essas tretas.
- Exatamente, migah! Você é mais inteligente que isso, Fabricia, por favor!
- ...É, você tem razão, Cacau. Aliás como é que você consegue ter paz para nos aturar? Sério, de onde vem essa calma toda? Fico boba como estámos aos coices e você sempre ali, plena, ouvindo música ou sei lá o que? Aliás o que você tanto escuta que não larga mais o seu notebook?
- Hahaha, se eu te contar você não vai acreditar, vai até debochar de mim...
- Aaaah agora eu quero saber! Me deixou curiosa! O que é?

E mostro um dos vídeos de ASMR para Fabricia, que o escuta... por 10 segundos.

- CRUZES! QUE NERVOSO! NÃO! Jura que isso te acalma?! - pergunta enquanto arranca o fone de ouvido.
- Hahaha, não é todo mundo que curte mas eu, particularmente, estou viciada.
- Aí Meu Deus eu cheguei a ficar arrepiada de tanto nervoso! NÃO! Nunca mais escuto essa bizarrice aí!
- HAHAHA! Confesso que também achei bizarro quando me indicaram. Mas enfim, esse é meu método de relaxamento.
- Tá bom, cada qual com os seus... Cacau, mudando de assunto, eu tava pensando... a gente nunca fez uma social para comemorar a nossa mudança. Por que não fazemos uma agora? Chamamos a galera e tal e acho que uma festa vai ser boa para, você sabe, acalmar as coisas entre eu e a Mallu...
- Eu acho uma ótima ideia! Vamos chamar o pessoal parar beber, fumar, zoar... faz mesmo um tempo que a gente não faz algo assim.
- Verdade :)

E vai ser boa uma social pois faz um tempo que Pedro e eu não nos vemos. Desde que me mudei as coisas entre nós parecem tão... sem graça e distante.

Marcamos então a social para o feriado de 1 de Maio. Chamamos a patota de sempre e todos confirmam presença.

Mando mensagem para Pedro e ele se anima (eba!).

Chouri também me responde e pergunta se pode levar Ana Júlia? Bugo na hora!

Ana Júlia Anãzinha Nervosa. Desde o Carnaval, quando saímos no tapa, ali na Quadra do Cardosão, que a gente não se viu mais. Jurei a mim mesma evitar de cruzar com essa The Mônia (!) outra vez... mas vai ser meio impossível isso já que ela continua firme e forte o namoro com o Chouri. Aliás isso tá durando mais do que o imaginado!

Bom, coloco minha raiva de lado e dou espaço a uma Cacau educada, madura e com classe e digo que ele pode, sim, trazer sua namorada para a (MINHA) social. Sem ressentimento algum (MENTIRA EU AINDA QUERO MATAR ESSA VACA!). E prometo a mim mesma manter a classe e postura e não estragar esse momento por nada.

Eu escolhi acreditar na Paz!


1 de Maio de 2018
Nossa Casa Fofa na Cardoso Júnior
5h21 pm

MÚSICA DE CENA:

Casa devidamente arrumada para receber a galera e eis que alguém dá 3 batidas na porta da frente.

- Opa, eu atendo! - digo enquanto saio correndo pra ver quem chegou primeiro.

E quando olho no olho-mágico, surpresa(!), é o Pedro. Respiro fundo e o recebo com todo o carinho que uma namorada pode receber seu namorado.

- Oi Pê - digo com a voz mais meiga do mundo enquanto vou em sua direção para lhe dar um beijo.
- Oi Camila, tudo bem? - pergunta também sendo muito carinhoso e retribuindo o beijo.
- Como sempre pontual e foi o primeiro a chegar!
- Eu pontual ou geral que tá atrasado? Sério, nunca vi um povo atrasar tanto como esse o seu - brinca.
- É verdade, todos são atrasados pra tudo, incluindo essa que vos fala!
- Haha, boa! Cadê as meninas?
- Estão na cozinha terminando de preparar uma receita doida de gelatina de café que a Mallu viu na internet.
- Gelatina de quê?! - ele se assusta.
- De café! Sim, doidera! Nem sabia que isso existia! Vamos ver no que vai dar...
- OK, né... Bom, trouxe uma coisa pra você.
- Pra mim?! - fico surpresa.
- Sim, me dei conta de que desde que se mudou eu não te dei nada de presente de Casa Nova, então... - e ele estica o braço e me entrega uma sacola e dentro há uma caixa de tamanho médio.

Mas gente! O que será?!

Abro a caixa toda empolgada e quando vou ver é uma jarra de suco no forma de abacaxi!

- Vi numa lojinha tipo aquela que você gosta de comprar coisas e achei a sua cara - ele explica um pouco tímido.

Dá pra perceber que isso não é só um presente de Casa Nova mas também um pedido de desculpas pelo lance que ocorreu no dia da mudança (quando ele concordou com a minha tia ao dizer que minhas coisas são um monte de bugigangas). E é também um pedido de desculpas por ter se afastados nas últimas semanas.

- Aaah Pê, eu amei! É idêntico a um que minha mãe tinha, sabia? Você acertou em cheio! - digo enquanto lhe dou um forte abraço.

OLHO PARA A CÂMERA E FALO:
- Na verdade eu tenho essa jarra de suco da minha mãe, tá lá na cozinha mas é claro que não vou dizer isso a ele e vou ficar com as duas.



E logo a galera vai chegando e quando dou por mim a casa já está cheia! E animada! Gosto assim! Here Good Vibes Only!

- A Rainha do rolê chegou! - anuncia Valentina enquanto tem sua cadeira empurrada por Johnny.
- Olha ela! Até que enfim deu o ar da graça! Depois que virou YouTuber, esqueceu dos amigos pobres - brinco indo em sua direção para recebê-la.
- Meu ABOR, se você soubesse como é difícil ser Digital Influencer... - explica no deboche.
- Aaah sim, claro, imagino! Ter de ir em vários eventos de graça, ganhar presentes e ter de fazer resenhas deles, ser fotografada com as melhores roupas, roupas essas que você não gastou 1 vintem pois é tudo dos patrocinadores... imagino como deve estar sendo difícil essa sua vida! - respondo também no deboche.
- Faltou dizer que tenho almoçado e jantado de graça nas melhores hamburguerias adaptadas da cidade e isso me tem feito engordar absurdos! SOCORRO! Não posso engordar! Isso vai me fazer perder seguidores!
- Força Guerreira! O BRASEO está contigo. #PrayForValentina.
- Amém!

E caímos na gargalhada! Somos duas dementes mesmo.

- Oi V., tudo bem? - cumprimento lhe dando um beijo na testa.
- Tudo meu amor, e com você?
- Tudo indo. Como manda o roteiro.
- Tá com uma carinha de cansada...
- E eu estou cansada...

Olho para os lados e vejo que todos estão entretidos em seus respectivos assuntos e que não há ninguém prestando atenção em nós duas. Me ajoelho em frente a Valentina, me aproximo mais dela e começo o desabafo:
- Não tem sido nada fácil dividir apartamento com a Mallu e a Fabricia - digo em voz baixa para evitar o burburinho.
- Por que? O que houve?

E é aí que lhe explico todo o quê do Piraquê e Valentina fica igual um ovo - chocada!

- Sexo escandaloso! REALLY?!
- Fala baixo, mulher! - peço desesperada.
- Desculpa mas é que, olhando assim pra elas, ninguém dá que fazem esse barulho todo na hora do Spring Love. Na verdade a Mallu até me parece timidazinha.
- Timidazinha my ass! Precisa escutar as coisas que eu escuto! Noite sim, noite não e final-de-semana-com-certeza rola no quarto delas um 'Azul é a Cor mais Quente' mega quente! Eu diria pelando até!
- Aí Cacau!

E caímos na gargalhada novamente. E no meio daquela conversa descontraída, eis que Chouri chega... acompanhado de Ana Júlia.

Quando os vejo entrando na sala da minha casa, de mãos dada, no maior chamego e sintonia e carne e unha alma gêmea, eu sinto meu coração bater acelerado! É um mixto de raiva com... ciúmes?!

Olho rapidamente para o lado e vejo Pedro que está bastante surpresa com a presença deles dois. Por essa ele não esperava, não depois do barraco no Carnaval. Logo Pedro olha para mim com uma expressão de "Sério que chamou esse par?".

Ok Camila, respira fundo. Respira. Fundo.


Peço licença à Valentina e vou até Chouri e Ana Júlia.

- Oi! - digo o mais simpática possível.
- Oi Camila, tudo bem? - cumprimenta Chouri sem largar a mão de sua namorada.
- Tudo! E com vocês?
- Tudo bem, também.
- É, valeu o convite - diz Ana Júlia também tentando ser o mais simpática possível.
- Fico feliz que tenham vindo - respondo - entrem, podem ficar à vontade. Tem bastante bebida e quase nada pra comer, como sempre! As meninas tão na cozinha, terminando de preparar uma gelatina de café. Já já sai pra gente comer.
- Gelatina de café?! - estranha Chouri.
- De café! É uma receita doida que a Mallu achou na internet e quis testar. Sacomené! Vou lá ver se tá pronto! Com licença...

E saio o mais rápido que posso e finjo ir para a cozinha quando, na verdade, vou para a varanda para pegar um pouco de ar.

Por que ver o Chouri com a Ana Júlia me deixou tão incomodada? Que coisa mais sem nexo!

Camila pelo amor de Deus respira. RES-PI-RA! Respira! Inspira! Não pira! Vai dar tudo certo e seja lá o que for, vai passar... Oudri Kanda Larrai!

Muito bem, Paz (quase) recuperada, é hora de voltar para a sala e dar atenção as visitas. E quando volto, encontro geral numa roda, saboreando a tal gelatina preparada por Fabricia e Mallu. Ou melhor, tentando saborear porque...:
- ...daí eu vi essa receita num canal gastronômico coreano e falei "Bora fazer para o pessoal", e sabem que nem é tão complexo assim de se preparar! E aí, o que acharam? - pergunta Mallu que está mega satisfeita com o seu feito.
- Olha Mallu, é um sabor assim... exótico! - fala Valentina tentando disfarçar a insatisfação que está sentindo.

Tadinha, tá lembrando aquele meme da Eliana!


- É... bom... assim... é diferente! - responde Pedro também não querendo admitir que não curtiu muito.
- Eu nunca tinha comido algo assim, não - explica Chouri com uma expressão que dá dó.
- Eu achei uma droga! Antes tivesse feito gelatina Royal sabor uva que ia ser melhor! - responde Johnny na sua sinceridade louvável.
- Aí Johnny! Deixa de ser escrotão! - briga Fabricia.
- Escroto seria se eu dissesse que isso aqui tá bom! Por que não tá! Alguém aí gostou de verdade dessa gororoba?!

...silêncio total.

- Cacau, já comeu esse trem? O que achou? - pergunta Johnny apontando pra mim.

E todos param para me olhar.



Aí Meu Deus vem me buscar Hebe!

- ... bom... tem Doritos! Alguém vai querer?! - pergunto mudando de assunto.
- EU! EU! EU!!!!!!


OK, gelatina de café está mesmo fora das próximas socias.

Abro o pacotão de Doritos, despejo o salgadinho numa vasilha grande e saio oferencendo para o pessoal.

- Ótimo, vai tirar o gosto ruim dessa gelatina da minha boca - ironiza Johnny.
- Aaah vai, nem tá tão ruim assim! - se defende Mallu.
- Ruim não tá, mas bom também não. Sério, de onde vocês tiram essas receitas?
- Já falei, de um canal coreano no YouTube. Tem umas muito doidas!
- Isso me lembrou o dia em que a Camila quis preparar um pudim vegano que viu no instagram. Ficou ô, uma droga! - relembra Pedro tentando segurar o riso.
- ... um treco meio verde com calda azul? - pergunta Chouri intrigado.
- É, esso mesmo. Como sabe? - pergunta Pedro mais intrigado ainda.
- Ela fez pra mim uma vez. Me lembrei aqui, o gosto era realmente intragável.
- Ah...

Na hora eu percebo que Pedro não gostou muito de saber que o tal pudim vegano não foi algo preparado com exclusividade para ele. Corro e dou uma justificativa:
- Tô pra preparar esse mesmo pudim para as meninas aqui em casa também! Já que estámos nessa vibe Master Chef! He He...
- Pudim vegano? Aí Mel Deos, será que isso é bom? - pergunta Valentina;
- Bom, o que ela fez pra mim não era! - brinca Chouri enquanto passo braço sob o ombro de Ana Júlia.

Enfureço por dentro!

- Era ruim mas você comeu tudo - revido.
- Não vou desperdiçar comida, vou? - ele revida.
- Sempre teve comida boa lá em casa - mando.
- Realmente sempre teve comida. Boa. Comigo.


- Tá com fome, Chouri? Quer que eu te prepare um bolo? Um exclusivo pra você, sabor chucro!

UI!

- Prefiro chá de bucetí pra beber, vai me servir?


- Mas você é um Zé-Bosta mesmo, hein! - mando.
- E você não pode ver uma vergonha que já quer passar! - ele manda.

MEL DEOS!


- GENTE! - pede Mallu tentando apaziguar.

Mas eu não paro! 

- Como é que pode uma coisa dessas? Você entra na minha casa, bebe do meu álcool e tem a petulância de me afrontar e ainda falar mal da minha comida?! DO MEU PUDIM VEGANO?! VAI TE TOMAR NO PUDIM, CARA! - grito.

EITA PORRA!



- EMA EMA EMA CADA UM COM SEUS PROBLEMAS! - ele grita ironizando.



- CHEGA! Já chega dessa palhaçada! Que cena mais ridícula essa de vocês dois! - berra Pedro se levantando furiosíssimo.
- Concordo - fala Ana Júlia também se levantando - que papelão hein, Antônio! FUI! Não sou obrigada a ficar aqui assistindo a isso, não. Seus dois bafos de bunda! 
- Eu também vou embora. Me recuso a ficar nessa casa, presenciando essa ceninha patética e infantil - fala Pedro.
- Pedro, espera... - peço bastante sem-graça e segurando em seu braço.
- Espera uma chupeta! DEU! - responde com grosseira enquanto puxa seu braço de minhas mãos.
- Partiu rachar um Uber? - sugere Ana Júlia à Pedro.
- Pede pelo Easy Táxi e usa o código PETROUXA, com isso ganhamos 20% de desconto - ironiza Pedro, me dando uma alfinetada.
- Já é então! - concorda Ana Júlia sacando seu iPhone da bolsa.

A coisa ficou feia mesmo.

- Pedro, por favor... - peço novamente mais sem-graça ainda.
- Camila tchau, tá bom.

E os dois vão embora juntos, e o constrangimento é real! Tanto que não consigo nem olhar para a cara de Chouri. Na verdade eu não consigo nem olhar para a cara de ninguém!

- Gente, desculpa... eu... eu... eu sinto muito por isso, de verdade... - digo de cabeça baixa.

Silêncio total... por 10 segundos.

- Tem mais pudim de café? É ruim mas, sei lá, eu quero mais! - pede Johnny afim de quebrar o climão.
- Eu também quero mais pudim de café. É uma coisa assim beeeem marromenus, pra não dizer ruim, mas é o que tem, né!  -ironiza Valentina.
- Tá melhor que o pudim vegano - ironiza Chouri.
- Vai te tomar no cu, Chouri - revido o mais rápido que consigo.


- Também te amo, Camila.

E com isso encerramos a social comendo o resto daquela gelatina desgramada da peste com Doritos. Que noite, senhoras e senhores. Que noite!


00h15 am
Todos se despedem e começam a puxar o bonde. Antes de partir, Chouri vem falar comigo em particular:
- O que é que foi aquilo? - pergunta ele.
- Nem eu sei ao certo o que foi. Só sei que foi bem do ridículo! - digo enquanto enfio o rosto entre as mão.
- Você quer me dizer alguma coisa? - pergunta enquanto cruzas os braços.
- Não. Você quer? - pergunto também cruzando os braços e ainda jogando o cabelinho para o lado.


- Não, não quero - responde meio debochado - então tá tudo bem entre a gente?
- Tudo bem como sempre - afirmo também meio debochada.
- A gente vai seguir de boa depois dessa?
- Eu espero que sim.
- Você vai ficar bem com o Pedro?
- Eu espero que sim! Você vai ficar bem com a Ana Júlia?
- A gente tá sempre de bem.
- Ah... - e o sentimento o qual eu não sei explicar (ainda) reaparece. Mas o engulo com saliva.
- Ela tem ciúmes de você, Camila. Ela sempre vai ter. Fato. Por isso é que eu não dou trela, só vai fuder com nossa relação e eu não quero que isso aconteça.
- Entendo... - digo desviando o olhar.
- Deveria fazer o mesmo, ignorar os ciúmes do Pedro. Uma hora eles vão entender nossas birras e as loucuras da nossa amizade.
- ...é...

Ele então se aproxima e me dá um beijo bem no meio da testa.

- Se cuida, tá bom. E desacelera um pouco - me pede olhando bem no fundo dos olhos.

Aaaah esse olhar de jabuticaba molhada...

- Vou desacelerar, eu prometo - respondo.

E lá se vai Chouri, mas antes de partir, ele se vira e fala:
- Aaah sim, amei o R2D2 de enfeite!
- É um mini aspirador de pó com design do R2D2! - digo surpresa por ele ter gostado.
- Daora! Onde comprou?
- Bugigangas.com, frete grátis nas compras acima de R$ 200! HAHAHA!
- Compro só porque é o R2D2 mas não vou usar para aspirar porra nenhuma!

MÚSICA DE CENA:

Aaaah Chouri... AAAAAAAAH CHOURI! Só você me entende!


00h59 am
Todo mundo já foi embora e eu me jogo em minha cama afim de dormir e relaxar e esquecer a cena que eu e Chouri fizemos hoje mas tá foda de pegar no sono. E, como se não bastasse, Fabricia e Mallu começam seu Spring Love de final de semana:
- AÍ DELÍCIA! TESÃO DA MINHA VIDA! METE! METE ESSA LÍNGUA MAIS FUNDO, VAI! VAI! AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH!!!!!!!!

.
.
.
.
.

OK... se o objetivo da social de hoje era reaproximar essas duas então a missão foi cumprida com sucesso! Posso ouvir o amor daqui. Aliás acho que a Cardoso Júnior toda pode ouvir!

Sabem o que isso significa?... Sim, que é hora do ASMR!

Pego o notebook, abro o YouTube e vejo quais dos canais que sigo foram atualizados recentemente. Noto que faz 22 horas que o Pudding Whisper postou um vídeo novo.



Uuuh ASMR eroticazinha a 1 da manhã? E por que não? Depois de tudo o que aconteceu hoje, o melhor a se fazer é relaxar e...

You Might Also Like

0 comentários

Cacau dos Santos

©2015-2018 - Todos os direitos reservados.
Todas as imagens de filmes, séries e etc são marcas registradas dos seus respectivos proprietários.

Contato

Mail: oi@cacaudossantos.com
Phone/Zap: (21) 99993-1199

Formulário de contato